| 
  • If you are citizen of an European Union member nation, you may not use this service unless you are at least 16 years old.

  • You already know Dokkio is an AI-powered assistant to organize & manage your digital files & messages. Very soon, Dokkio will support Outlook as well as One Drive. Check it out today!

View
 

FrontPage

Page history last edited by PBworks 15 years, 10 months ago

 

                                 ATIVIDADE 6  NÚMEROS E OPERAÇÕES

 

Quando iniciamos o trabalho com as quatro  operações com os alunos vejo que a dificuldade é a mesma para quase todos que li, "eles " não compreende  o "emprestar" o "subtrair". Nessa parte que temos dar mais enfâse com os materiais concretos, situações usando eles próprios para entenderem melhor o que queremos  mostrar.

Fiz um passeio pelos trabalhos dos colegas dos outros Pólos e também do nosso Pólo e aprendi muitoas sugestões  que podem ser trabalhadas com meus alunos. Mas a que me chamou a atenção foi uma que é do Grupo 6 do Pólo de São Leopoldo, que é bem fácil de ser feito até em aula com os alunos. É aquela dos botões que são pregados em fileira de 10 por 10, quando dobrado o pano por exemplo 5X5 fica bem visível para os alunos entenderem a multiplicação. Vi que todos os grupos falam que devemos levar em conta a bagagem que o aluno traz para a escola sobre a matemática, pois quase todos já tem um conhecimento de números, quantidades, dinheiro, troco , pois muitos vivênciam essa parte indo ao mercado para seus pais. Todos  os grupos trabalham com materias concretos com tampinhas, palitos, bolinhas de gude,balões, para depois passarem para o abstrato, trabalho no quadro , folhinhas com desenhos para entenderem melhor.  Sigo também esses mesmos passos para trabalhar com meus alunos. 

 

 

ATIVIDADE 5  NÚMEROS E OPERAÇÕES

 

Estas sugestões para assistir os vídeos da revista Nova Escola,  Dvd do MEC que vieram para as escolas,       me auxiliaram muito para eu iniciar a trabalhar com a multiplicação com os meus alunos de 3º ano, pois não queria fazer como aprendi e como já tinha trabalhado em outros turmas. Gostei muito daquele trabalho que era com os meios de transportes.

1 bicicleta tem 2 rodas; 1 triciclo tem 3 rodas; 1 carro tem 4rodas; perguntei a eles se eles tivessem 2 bicicletas , quantas rodas seriam?  Pensaram, alguns contaram nos dedos, outros fizeram o desenho das bicicletas e responderam que eram 4 rodas, e se fosse 2 triciclos quantas rodas seriam? E eles foram respondendo 6 rodas. E 2 carros quantas rodas seriam? Responderam 8 rodas, e assim foram realizando as operações. Uma das crianças falou - prô mas isso é uma soma!  É uma soma com as parcelas sempre iguais Foi muito bom trabalhar assim pois notei que eles trabalhavam em grupos com grande interesse,  perguntavam, outros respondiam, usaram material concreto, contavam, usando tampinhas.

 

Estou criando uma outra variação da atividade para dar continuidade a esse trabalho. Como estou trabalhando sobre os animais utilizando o número de patas de cada um,       continuarei   seguindo os mesmos passos da atividade anterior. Trabalharei com a cobra para mostrar o Zero, quantas patas têm a cobra? Nenhuma, então ela tem zero patas. E o macaco quantas patas têm? E 2 macacos quantas patas são?  

 

E na divisão no inicio  trabalharei com materiais concretos como  copos plásticos e sementes. Por exemplo direi: peguem 9 sementes e dividam em 3 copos, quantas sementes terá em cada copo? Usarei também as figurinhas que andam na onda no momento: tenho 15 figurinhas e quero repartir com 5 alunos. Quantas figurinhas cada um irá ganhar? Depois de ver que os alunos entenderam bem com o concreto irei trabalhar no quadro e caderno usando atividades com desenhos para poderem visualizar e contarem para poderem realizar.

 Como por exemplo: tenho 3 vasos e 12 flores para dividir neles, quantas flores terão cada vaso depois de dividí-las?     

 

                                              ATIVIDADE 5

 

Por não ter um Geoplano, trabalhei com os alunos do 3º ano a ampliação de figura, levei para eles a sugestão da professora,  mostrei a figura do patinho e  deixei eles tentarem  reproduzir o desenho e me surpreendeu muitos trabalhos, pois era a primeira vez que eles estavam fazendo esse tipo de trabalho e ficaram muito bons.  Vejam alguns trabalhos da turma 31.                             

 

 

 

 

 

 

                                                 ATIVIDADE 6

 

SEQUÊNCIA -  trabalhando sequências com os alunos, posso trabalhar com os blocos lógicos de vários formatos e cores.

 

OBJETIVO - Trabalhar sequências lógicas com cores, formas e espessuras.

 

VOCABULÁRIO - Vermelho,amarelo, azul, verde, marrom preto, branco, rosa, laranja, roxo, cinza; grosso, fino grande, pequeno.

 

MOTIVAÇÃO - Levar blocos lógicos para a aula e distribuí-los entre os alunos. deixar que manipulem os blocos livremente, observando suas cores, formatos e espessura. em seguida, solicitar aos alunos que separem os blocos por formato e por cor, formando conjuntos diferentes.  Separar alguns blocos em sequência lógica por cor, como vermelho, azul,  amarelo,  verde,  amarelo,  vermelho.... e assim por diante, sem nunca repetir uma cor duas vezes seguido. Solicitar aos alunos que dêem continuidade à sequência, sem no entanto explicar qual é o segredo ( não repetir a mesma cor duas vezes seguidas). Deixar que o aluno tente até conseguir. É importante que percebam sozinhos a sequência que está sendo utilizada. Em seguida realizar outra sequência com as cores, intercalando-as sempre na mesma ordem, em série, como, por exemplo,  vermelho,  verde, amarelo, vermelho, verde, amarelo, vermelho...... Da mesma forma, o segredo  da sequência não deve ser revelado. As próximas sequências poderão incluir, além  da cor, a forma, o tamanho e a espessura  do objeto. Exemplo de trabalho com sequência:

Pesquisado no Livro  Vol. V - Matemática com prazer, Marielise Ferreira 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                               ATIVIDADE 7

 Medir é determinar a extensão de uma grandeza usando uma unidade de medida.

 

 Medir significa comparar grandezas de mesma natureza.

No processo de medição, alguns aspectos devem ser levados em conta:

* é necessário escolher uma unidade adequada, comparar essa unidade com o objeto que se deseja medir  e contar o número de unidades que foram utilizadas;

 

* a unidade escolhida arbitrariamente deve ser da mesma natureza do atributo que se desja medir, e deve-se levar em conta  o tamanho do objeto a ser medido e a precisão que se pretende alcançar nessa medidação;

 

* quanto maior o tamanho da unidade, menor é o número de vezes que a utilizamos para medir um objeto.

 

Solicitei que às crianças medissem o comprimento e a largura da nossa sala. Mediram usando seus passos, ficando 13 passos de comprimento por 15 passos de largura.  Discutismos que pode variar essa medida pois os passos deles não é igual ao meu, as pessoas  têm tamanhos diferentes , quando usarmos esse  objeto , encontramos  números diferentes para expressar a mesma medida.

 

Sistema MKS de unidades é um sistema de medidas físicos, ou sistema dimensional 1 de tipologia LMT ( comprimento, massa, tempo), cuja unidade usa-se o metro para o comprimento, o quilograma para a massa e o segundo para o tempo.

 

                 GRANDEZA               UNIDADE             DEFINIÇÃO

 

                 comprimento            metro                   m

 

                 massa                     quilograma            Kg

 

                 tempo                     segundo                 S

 

                 força                        newton                 N = 1Kg. m/s2

 

                 energia                   joule                      j= 1.Kg. m/s

 

                 potência                 watt                       w= 1kg.m/s

 

                 pressão                  pascal                    Pa= 10 / bar

 

Km   hm  dam   m  dm  cm  mm

 

Kg    hg   dag   g   dg   cg  mg

 

Kl     hl     dal    l    dl    cl    ml

 

Pesquisado Livro Pró Letramento Matemática / Mec livro de matemática enviado pelo Ministério de Educação e Cultura para a escola.

Wikipédia

 

 

                                                       ATIVIDADE 8

 

EScolha um objeto da sua casa e descreva as grandezas que podem ser medidas com unidades diferentes. Como seria esta medição e para que serviria essa informação.

 

Quero trocar de lugar a mesa do computador, colocar num outro canto da sala. Medi com o palmo de minha mão a mesa que deu 5 palmos e meio, também medi a parede que quero  colocar a mesa, a parede tem 7 palmos.   Usando  a fita métrica  vi que o palmo da minha mão  mede 22cm, calculando , a parede tem 1,54 cm. A mesa  tem  1,21 cm. Com essas medidas vi que posso trocar de lugar que a mesa caberá neste espaço.

 A largura da mesa é 3 palmos= 0,66cm e o comprimento =1,21cm,  dará para fazer essa mudança.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                                                                Atividade 4

 

 

 

 

 

 

 

 

 

      

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

   ATIVIDADE 2  NÚMEROS E OPERAÇÕES

 

 

 

BRINCANDO DE LOJINHA

 

Usamos o dinheirinho de brinquedo comprado nas lojas de1,99

 

Arrumamos as classes , fazendo de loja , um banco.

Na loja colocamos livrinhos, brinquedos, jogos que temos na sala,  tudo  com  preço.

No banco as crianças tem que retirar o dinheiro que eles precisam para fazerem suas compras.

Compram, gastam seus dinheiros,voltam ao banco para retirar mais.

 

 

Contam as notas que tem ainda , separam as de 1,00, as de 2,00/ 5,00/10,00. As crianças que trabalham na loja tem que dar o troco.

 Por exemplo: com 5,00 reais quantos livros de 1,00 posso comprar? Se gastou 5,00 reais e deu uma nota de 10,00 reais quanto tem que devolver?

E assim de uma maneira ludica eles estão aprendendo e brincando, levando em conta que muitos já lidam com dinheiro mesmo antes de entrar na escola, indo ao mercado para seus pais.                            

 

 

                                             ATIVIDADE 2 CLASSIFICAÇÃO E SERIAÇÃO

 

 

                                                                   (48 balões confeccionados em cartolina)

JOGO DOS BALÕES

 

Distribuímos as peças do jogo, dando dois ou três balões para cada criança, conforme o número de alunos da turma.

 

* Atividade de observação: Observem o que receberam. Como é cada balão? ( As crianças devem descrevê-los);

 

*Atividade de comparação: Olha para o balão do colega. O que tem de igual ou de diferente do teu? ( Verbalizar).

 

* Atividade de classificação: Agrupa os balões pensando nas suas características. Em que pensaste para arrumar este grupo? Quantos balões tem no grupo?

 

* Atividade de seriação: Organizem uma fila com os balões. Como pensam para arrumar a fila? Como é o primeiro balão? E o último?

 

Conforme a série em que este material é utilizado, muitas outras propostas podem ser realizadas, inclusive utilizando o cálculo mental.

 

* Esse jogo foi tirado do livro Matemática nas Séries Iniciais de José Teixeira Baratojo e Léa Volquind.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ATIVIDADE CS 4

 

O trabalho com gráficos e tabelas na escola pode ser  iniciado desde cedo, antes mesmo de os alunos entrarem na 1ª série. Habitualmente, ele é classificado como parte do estudo da estatística, dentro da disciplina matemática. Porém, na prática, ele se apresenta como um campo especialmente propício para atividades interdisciplinares. Afinal, a habilidade de ler e interpretar gráficos é um requisito básico da geografia, da biologia, da química... Pode-se dizer que hoje, para compreeender o mundo, a linguagem dos veículos de comunicação, as análises políticas e econômicas, é essencial ter familiaridade com esses instrumentos de análise. No Ensino Fundamental 1, a coleta e a organização de dados em gráficos e tabelas é uma oportunidade de as crianças pensarem sobre critérios de agrupamento, critérios  comparativos e na possibilidade de expressar uma determinada idéia graficamente, sem  recorrer necessariamente a números ou palavras.

 

Objetivos

 

 

* Iniciar o trabalho com estatística

Melhorar a capacidade de sistematização de dados e análises de resultados.

     Expandir a utilização de conhecimentos matemáticos para outros campos.

     Aumentar a compreensão das informações veículadas pela mídia

 

Há uma atividade que precede o trabalho com gráficos: a coleta dos dados a serem organizados. Ao propor uma atividade para a classe que sirva para coletar os dados que serão utilizados no trabalho, é preciso ter em mente que a escolha do tema é uma parte fundamental. A escolha do tema deve, na medida do possível, ser feita pelos estudantes. Quando isto não é possível ou adequado, o professor deve sugerir temáticas relacionadas aos interesses da faixa etária com a qual trabalha.  é muito importante que a temática  seja do interesse do aluno para que ele se motive a realizar a investigação, perceba significado nos dados coletados e estabeleça relações ao analisar esse dados.

 

 

Como trabalho com o 1º e 3º ano do Ensino Fundamental realizamos com os alunos da turma 31 o calendário dos aniverariantes da turma, fomos listando mês por mês para ver quantos aniversariantes teriam por cada mês. E assim fomos criando nosso gráfico.  Na análise  dos resultados observamos  que no mês de abril e junho não teria nenhum aniversário. Já em março teria apenas um, em fevereiro, agosto, outubro e dezembro teria dois aniversariantes. Em julho, setembro e novembro teriam três aniversários. Janeiro foi o mês que teve mais aniversariantes: seis. 

 

 

 

Com os alunos da turma 11 que a faixa etária é de seis anos e estamos iniciando  a contagem. Num certo dia que apareceu um cachorro na porta da sala de aula perguntei se era de alguém e a maioria disse que tinham cachorro mas que aquele não era deles. Ai  perguntei quem tinha um animal de estimação? E  todos levantaram as mãos, fui perguntando um por um e eles dizendo: fui registrando  no quadro, gato, cachorro, pato... Fiz três linhas e  desenhei  numa linha um cachorro na outra um gato e na outra linha um pato, e conforme eu perguntava quantos tinham cachorros e eles levantavam as mãos eu fazia um quadrinho pintado. e foi  assim com os gatos, patos. Eles registraram em seus cadernos . Depois dei-lhes uma folha com um conjunto de animais; cachorros, patos, gatos  e ratos para  estimular a observação, a contagem e representar quantidades graficamente.  Pintaram os quadrinhos de acordo com o número de animais que estavam naquele conjunto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os números em nossas vidas 

 

Atividade 1

 

 

  Os números naturais estão presentes em nosso cotidiano e são utilizados com os mais diversos propósitos. Utilizamos os números para realizar contagens, ou seja, para responder a pergunta do tipo "quantos?"  (" 50 anos", "25 alunos", "meu álbum já tem 148 figurinhas", "tenho 7 reais a mais que você", etc.). O conceito de número ajuda ainda a identificar um objeto de uma coleção ordenada, respondendo a perguntas do tipo "qual?" (" o quinto andar", "o décimo quarto da fila de espera", etc.).  Os números exercem um fascínio , uma espécie de atração mágica sobre as crianças. O singular e o plural estão presentes em seus corpinhos, nos objetos da casa e da escola, no ambiente em que as rodeiam. Basta um exame visual no espelho para descobrir que possuem dois olhos, um só nariz, uma boca, ao passo que orelhas, há duas. Observam facilmente que têm cinco dedos na mão e no pé, que possuem duas pernas e dois braços. Estas obsevações, no entanto, permanecem  no estágio subjetivo e abstrato do seu pensamento e só serão concretizadas a partir do momento que travarem, na escola, uma relação de aprendozado com a matemática.

A partir das séries iniciais, e mesmo na pré-escola, as crianças passam a estabelecer relação concreta entre as cores, as formas, os números, os conjuntos e as operações básicas. E o que era uma brincadeira entre mãe e filho, contando os dedinhos da mão, de repente se transforma em algo sério, sisudo e, por que não dizer assustador.

E ao correr dos anos , a criança passa a considerar  a  matemática um "bicho de sete-cabeças" que não raras vezes é responsável pela repetência de ano escolar.

 

Meu caminho até a escola

 

 

 A escola onde trabalho está situada na rua Dakar 280,bairro Itacolomi na parada 80 da RS 020 em Gravataí. É uma Escola Municipal de Ensino Fundamental de 1ª a 8ª série.  O nome da minha Escola é Duque de Caxias.

 Fica próximo da sede campestre do Gondoleiros, é um lugar gostoso de morar. tranqüilo , com muita qualidade de vida. Saí de Porto Alegre para vir morar neste lugar que me traz bem estar, para mim e minha família.

 

Saio de casa às 7:30min para ir à escola. Moro no mesmo quarteirão da escola, sem sair de casa já ouço murmúrios, conversas, movimento de crianças, adolescentes indo para o mesmo local que eu.

Ao sair do portão desço quatro degraus e já chego a rua : essa rua não tem calçamento, caminho sentindo as pedrinhas a fazerem barulhos. Desço uma pequena ladeira e vou vendo muito verde ao meu redor.   

  Muitas vezes os alunos vão batendo papo comigo contando suas novidades , falando do tempo, se está quente, se vai chover e assim vamos descendo a rua. Quando chove temos que ir cuidando onde pisamos pois fica um barro só.

 

  De ambos os lados da rua tem casas, umas novas outras mais antigas, portões com cães. Todas as casas com grades,telas para sua proteção. Quando chego no fim da rua entro à esquerda. Passo por mais duas casas antes de chegar a escola. No portão está o atencioso guarda  a espera da comunidade escolar.

Entro no portão com satisfação de estar entrando no lugar que escolhi para trabalhar. Vou comprimentando os alunos e muitos vem ao meu encontro dizendo.... Bom dia prô!

Entro na sala dos professores comprimentando meus colegas,assino o ponto, tomo um gostoso cafézinho; dá o sinal, vamos para as nossas respectivas salas.

Vou para a turma 11 primeira série do Ensino Fundamental de nove anos. Minha turma é formada 20 alunos sendo 14 meninos e 6 meninas.

 

 

 

                                   

 

Este é o caminho que percorro todos os dias ,  gostaram...? Só é ruim quando chove pois fica um barral só. Na frente da escola está sendo asfaltado, irá ficar mais bonita a nossa  entrada da escola.

 

 

 

                                                              MINHA SALA DE AULA

 

 

A minha sala de aula fica no segundo prédio a esquerda no pátio da escola. É uma sala média nem tão pequena ,nem tão grande. As mesas com miolo colorido e mesinhas que se encaixam na mesa redonda, as cadeiras são pequenas , na cor verde claro. Procuramos ter tudo o que uma sala de aula de primeira série precisa, temos armários com livros infantis, jogos, gibis , tudo de fácil acesso para eles pegarem.  Para fazermos nossa rodinha afastamos as mesas, colocamos umas em cima das outras, e organizamos nossa rodinha,  as vezes vamos fazer nossa rodinha no pátio ou na sala de informática para trocar um pouco de ambiente. A nossa turma é formada por 20 alunos sendo 14 meninos e 6 meninas.  É uma  turma muito alegre , querida, criativos,curiosos  com muita vontade de aprender, interagir. Trabalhamos  com  unidades e projetos, o último que estamos trabalhando é sobre  o meio ambiente , pesquisamos sobre o tempo que os  objetos levam para se decompor na natureza , andamos pelo bairro para  ver como as pessoas estavam preservando a natureza, vimos muitos lixos pelas ruas , juntamos os papéis da rua e da escola . A nossa festa Junina tinha tarefa relacionada com o projeto as turmas  teriam que trazer uma muda de árvore para ser plantada na escola. Na aula fizemos uma experiência de colocar terra e alpiste em uma casca de ovo trazida pelas crianças de casa  , as crianças desenharam uma carinha nas cascas, nos molhando todos os dias  , fômos vendo crescer os cabelos ( ou seja o alpiste) da casca do ovo com esse trabalho pudemos ver  com se dá a germinação. Trabalhamos com textos variados, histórias, contos de fadas, parlendas, músicas receitas e muitos jogos que confeccionamos para jogar. Eles gostam muito de pintar com tinta, desenho livre, jogos com letras e números. Todos já sabem que letras usar para escreverem seus nomes, reconhecem nomes dos colegas e da professora.    Temos brinquedos na sala,  alguns trazidos de casa por eles mesmos para brincarem na sala. Temos um acordo feito desde o iníciodo ano com as crianças e os pais; na segunda - feira todos trazem um pouco de lanche a mais para compartilhar com os colegas é o dia do Lanche Compartilhado, arrumamos a mesa e todos saboreiam o que cada um traz nesse dia, é para ser um lanche mais natural possível, nada de salgadinhos comprados; na quarta-feira é o dia da fruta o lanche é só fruta e na sexta-feira é o dia do brinquedo e eles trazem de casa para brincar. Temos uma sacola de brinquedos e jogos doados para a escola que é levado para a sala de aula   nesse dia é uma festa. A rotina da nossa aula é primeiro a rodinha , onde conversamos todos os assuntos que forem surgindo, as crianças trocam idéias e falam de suas vivências, todos sentados em círculo de modo que todos possam verem uns aos outros, além de fomentar asconversas, estimulo elas a falarem , promovendo o respeito pela fala de cada um.  Por meio desta fala posso conhecer cada um deles e observar quais são os temas e assuntos de interesse deles. Também na roda são feitas discussões acerca dos projetos que estão sendo trabalhados pela turma , além de apresentar as atividades do dia para as crianças, abrindo um espaço que lhes possibilite participar do planejamento diário. Então nossa rotina é : "Hora do Trabalho; Higiene; Lanche; Recreio; Hora da História ; Pracinha ; Atividades Físicas; Jogos Pedagógicos e Organização da Sala". 

 

 

             ESSA É A MINHA TURMA DE PRIMEIRA SÉRIE, ADORO ELES!

 

                 

 

                    

 

 

 

 

Comments (16)

Anonymous said

at 10:33 pm on Apr 10, 2007

Colega ao ler sua descrição sobre o caminho da escola,percebi que, mesmo trabalhando na mesma escola, andamos por trajetos diferentes e por isso vemos de maneira diferenciada esse nosso percurso.Mas foi gostoso ter a visão de outra pessoa no que se refere ao chegar na escola.

Anonymous said

at 12:58 am on Apr 15, 2007

Oi, Marly! Como é bom nós trabalharmos em lugar em que amamos, isto demonstra que estais no caminho certo, pois onde há amor há esperança de um caminho cheio de sucesso e alegria.Parabéns colega. Abraços da colega Ivete.

Anonymous said

at 12:28 am on Jun 15, 2007

OI, Marly! Nossa a sua jornada até a escola é bem mais curta e agradável que a minha. Deve ser bom morar pertinho da escola,o stress! Bjssss, Talita

Anonymous said

at 2:03 am on Jun 22, 2007

Querida Marly,
Que privilégio morar perto da Escola onde trabalhas, facilita muito, poupa tempo e dinheiro. A atividade 2 (Caminho da Escola), se observa os três aspectos: clareza, objetividade e documentário. Minha querida não achei a atividade 3 (Minha Sala de Aula).
Estou sempre as ordens para ajudá-la se for necessário.
Um grande abraço.
Geny

Anonymous said

at 7:51 pm on Apr 18, 2008

ATIVIDADE NO1. Olá, Marly! Muito legal você perceber que os números servem para coisas diferentes e que eles também mudam de "cara" depois de um certo tempo... Será que a escola e as aulas de matemática tem 'culpa' dessa mudança ocorrer? Será que os alunos descobrem uma cara de "bicho-papão" dos números ou inventam isso de acordo com as o que lhes é apresenttado? Será que, como professora, você pode mostrar-lhes outra cara para esses números que nos acompanham durante toda a vida e nos momentos menos prováveis! Parabéns pela reflexão... Beijo na ponta do nariz!

Anonymous said

at 6:14 pm on May 3, 2008

Atividade NO2: Marly! Sugiro que organizes teu wiki, pois as atividades não estão numa seqüência e isso dificulta sua visualização. Não vi postadas as atividades NO4, NO5 e NO6. Sobre a NO2, gostei da atividade e essa idéia de alguns alunos trabalharem no banco e outros na loja é muito interessante. Como foi feita essa escolha entre eles? Com quanto dinheiro cada um começou a atividade e qual foi a reação deles diante do que foi proposto? O que utilizaram para fazer os cálculos (cálculo mental, etc)? Creio que essas sugestões ajudariam a enriquecer ainda mais tua atividade.
Abraços, Damiana

Anonymous said

at 7:26 pm on May 3, 2008

ATIVIDADE NO2
Olá Marly, a atividade publicada esta de adequada ao que foi pedido. Sugiro que incluas os questionamentos e interesses dos alunos durante a realização da atividade. Gostaria de solicitar também os registros produzidos pelos alunos a partir da atividade proposta.

Anonymous said

at 7:28 pm on May 3, 2008

ATIVIDADE CS2
Querida Marly! Fico feliz por teres postado uma atividade adequada e de boa qualidade. Você conseguiu sintetizar os conceitos de classificação e de seriação. Em relação as atividades propostas, fizeste uma descrição objetiva. Além disso, buscaste bibliografia complementar o que demonstra desenvoltura.Espero que tenhas superado as dificuldades com a tecnologia.

Anonymous said

at 7:28 pm on May 3, 2008

ATIVIDADE CS4

Olá Marly! Novamente a atividade produzida esta com excelente qualidade. Percebo que tens inserido textos teóricos, seria interessante colocar a referência. A descrição da atividade ela está ótima, além disso a proposta é bem criativa.

Anonymous said

at 4:33 am on Jun 1, 2008

ATIVIDADE NO6
Marly. Teus comentários sobre os wikis dos colegas estão muito interessantes, você aborda uma série de questões importantes para aprendizagem da Matemática. Só tenho uma preocupação que é relativa a utilização de materiais concretos. Sabemos que os materiais concretos são fundamentais para aprendizagem, mas sem nenhuma intervenção do professor ele deixa de cumprir sua função.

Anonymous said

at 4:37 am on Jun 1, 2008

ATIVIDADE NO5
A atividade está em consonância com o que foi solicitado. Você esta conseguindo propor modificações em cima do tema abordado e esse é um dos nossos objetivos.

Anonymous said

at 1:09 am on Jul 7, 2008

ATIVIDADE EF5 Olá, Marly! Onde estão os trabalhos? Você está com problemas para adicionar as imagens? Entre em contato que eu tento ajudar... Você não apresentou uma atividade criada por você... Então sugiro que coloque dúvidas que surgiram no momento da realização da atividade ou então questionamentos que você levantou para os alunos antes de propor a ampliação da figura. Aguardo novidades. Beijocas...

Anonymous said

at 1:11 am on Jul 7, 2008

ATIVIDADE EF6. Oi, Marly! O exemplo apresentado está muito interessante, pois a dificuldade vai aumentando com o tempo... Esse tipo de preocupação auxilia o aluno a entender o que está acontecendo. Mas onde está a explicação? Uma das partes da atividade era explicar o que é sequência. Aguardo sua explicação... Beijinhos

Anonymous said

at 1:15 am on Jul 7, 2008

ATIVIDADE EF7. Olá, Marly! A pesquisa realizada está bem legal. Você colocou as referências e selecionou informações interessantes. O que seriam as duas últimas linhas com abreviaturas? Faltou alguma explicação sobre aquelas informações. Além disso, não ficou claro o que é um sistema de medidas. Sugiro que observe esses dois pontos. Beijo na ponta do nariz...

Anonymous said

at 1:17 am on Jul 7, 2008

ATIVIDADE EF8. Oi, Marly! Você apresentou o que foi solicitado... Apenas não falou especificamente que grandeza você mediu, mas percebi que foi a largura. Que outras medições poderiam ser feitas? Essa atividade pode ser realizada com os alunos e ser bem legal para discutir as unidades de medida... Beijinhos.

Anonymous said

at 1:17 am on Jul 8, 2008

Elisa, não consigo colocar as imagens. A das sequencia, da malha, elas estão nas minha imagens. Como faço para transferí-las para meu pbwiki? E também como faço para fazer os links no webfólio.....

You don't have permission to comment on this page.